03/08/2018

Praticando os valores de “Foco no Associado” e “Transparência”, a Diretoria Executiva do Serpros realizou o seu 2º Encontro com os Participantes, com o objetivo de informá-los sobre a situação atual.

O primeiro encontro havia sido realizado em 5 de junho na Regional Recife e desta vez ocorreu em Brasília, no auditório da Sede, na última segunda-feira, 30/7, com videoconferência para a regional e disponibilização de streaming para os participantes.

A Presidente Ana Costi apresentou os principais resultados da atual gestão, que completa um ano em 17/8/2018, com destaque para:

– O rigoroso controle de análise de aporte em investimentos, garantindo risco mínimo para os participantes;
– As ações de monitoramento dos autos de infração lavrados pela Previc;
– As ações referentes aos recursos administrativos junto à CRPC;
– A audiência com o Ministério Público Federal;
– As informações fornecidas à Polícia Federal referentes às investigações;
– O monitoramento dos processos decorrentes de investimentos gravosos;
– A definição de políticas, processos e normas, adoção de práticas de governança corporativa e do sistema de controles internos, visando buscar a excelência na gestão e tornar o Serpros cada vez mais confiável e seguro para os seus participantes;
– A implementação do Escritório do Serpros em Brasília, no Centro Empresarial Varig.

O diretor de Investimento, Sérgio Vieira, apresentou e esclareceu dúvidas sobre a saúde econômico-financeira do fundo, a carteira de investimentos e as perdas contabilizadas.

O diretor de Seguridade, Carlos Luiz de Oliveira, explanou sobre os planos PS-I e PS-II e os graves impactos decorrentes de investimentos malsucedidos nos planos, bem como suas perspectivas e regras de uso dos mesmos. Em resumo, o PS-I está deficitário em
R$167,86 milhões e o PS-II BD está superavitário em R$272,45 milhões (ambos com referência em junho/2018).

Ao final do encontro, a diretoria ressaltou que o representante Francieldo Justino está à disposição do público no OLGP/SUPGP. Na sede, às segundas e quartas-feiras; na regional, às terças, quintas e sextas-feiras, sempre das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Encontro em Brasília reuniu participantes e empregados do Serpro