05/10/2018

O Serpros Fundo Multipatrocinado completou 41 anos no dia 1º de outubro deste ano. Para celebrar, foi realizado um evento no auditório na quarta-feira (4/10), com a participação da Diretoria Executiva, dos conselheiros Deliberativos, do presidente do Conselho Fiscal, Luiz Antônio Martins (Gato), do presidente da Aspas, Paulo Coimbra, da diretora de Comunicação da Aspas, Ana Maria Monteiro, do diretor de Seguridade da Aspas em exercício, Gilson Leal Barbosa, além dos empregados e aposentados do fundo.

Na ocasião, os empregados que completam quinquênios em 2018 foram homenageados com um troféu de mesa e um certificado, entregues pelos conselheiros e diretores.

Também foi homenageada a aposentada Vilma Autran, ex-empregada do Serpros, que contou para os presentes um pouco de sua trajetória na entidade. “Por 22 anos fiquei aqui no Serpros, desde quando ainda a sede era no bairro Maracanã até sua mudança para Botafogo. Só tenho a agradecer”, disse Vilma durante o evento.

Auditório do Serpros lotado para celebrar os 41 anos da entidade
Auditório do Serpros lotado para celebrar os 41 anos da entidade
Da esquerda para a direita: conselheiro deliberativo, Paulo Roberto de Oliveira; conselheiro deliberativo, Ricardo Cézar de Moura Jucá; conselheiro deliberativo, Jorge Luiz Guimarães Barnasque; presidente do CDE, Fernando Nunes Bento; conselheiro deliberativo, Alexandre José Valadares Jordão; presidente do Serpros, Ana Maria Mallmann Costi; presidente da Aspas, Paulo Coimbra; conselheiro deliberativo, Mauro Roberto Simião; presidente do COF, Luiz Antônio Martins (Gato); diretor de Seguridade do Serpros, Carlos Luiz Moreira de Oliveira
Da esquerda para a direita: conselheiro deliberativo, Paulo Roberto de Oliveira; conselheiro deliberativo, Ricardo Cézar de Moura Jucá; conselheiro deliberativo, Jorge Luiz Guimarães Barnasque; presidente do CDE, Fernando Nunes Bento; conselheiro deliberativo, Alexandre José Valadares Jordão; presidente do Serpros, Ana Maria Mallmann Costi; presidente da Aspas, Paulo Coimbra; conselheiro deliberativo, Mauro Roberto Simião; presidente do COF, Luiz Antônio Martins (Gato); diretor de Seguridade do Serpros, Carlos Luiz Moreira de Oliveira

Gratidão, reconhecimento, pertencimento

“Ser reconhecida pelos meus 20 anos de empresa é emocionante! Ver meus colegas me aplaudindo me trouxe uma energia boa e me deu mais ânimo para continuar. Comecei no Serpros como secretária e obtive um crescimento profissional ímpar até alcançar um cargo de grande responsabilidade na arrecadação previdenciária, onde estou há mais de 15 anos. Sinto orgulho por tudo isso!”
– Maria Cláudia Ornellas Trautman, analista que atua na Gerência de Benefícios e Atuarial –

“São 15 anos de dedicação e empenho, fazendo o meu melhor. São 15 anos de lutas e de glórias. São 15 anos de momentos únicos, que permitem uma bagagem cheia de conhecimentos. São 15 anos que passaram rápidos demais, mas que foram e são vividos intensamente. Agradeço primeiramente a Deus, a minha família, aos meus colegas do Serpros e a todos que direta e indiretamente contribuíram para que eu chegasse até aqui. Que venham os próximos anos…”
– Márcia Ferreira de Morais, analista que atua na Gerência Jurídica –

“Trabalhar no Serpros é estar sempre disposto a encarar novos desafios, para isso é preciso acreditar nas mudanças como algo saudável para o aprimoramento profissional.
Sou muito grato à Deus e aos meus colegas de trabalho com quem convivi nestes últimos 15 anos. E que venham os próximos 15!”
– Leonardo Peixoto C. Bravo Botelho, coordenador de Tecnologia da Informação –

“Eu fico muito feliz por permanecer no Serpros por 10 anos e receber essa homenagem, com o carinho dos meus colegas. Minha vida profissional evoluiu muito no Serpros. Aqui é uma empresa muito boa de se trabalhar, onde fiz amigos queridos. Agradeço por tudo.”
– Angela Cristina Beaklini, analista que atua na Gerência de Controle de Investimento –

“Na verdade, não são apenas 10 anos de Serpros e sim 12 anos no total, pois entrei aqui em outubro de 2006 como estagiária e 1 ano e meio depois fui efetivada. Hoje, quando olho para trás, vejo o quanto cresci e amadureci tanto profissionalmente tanto como pessoa ao longo desse tempo. Em pensar que quando recebi a ligação do Serpros para entrevista, já estava estagiando em outro lugar e disse ao RH que não poderia comparecer. Porém, na hora de ir embora encontrei com meu pai e falei com ele que não estava me sentindo bem naquele estágio e que tinham me ligado de outra empresa, aí ele me disse: ‘então liga pra lá agora!’. Fomos num orelhão e liguei para cá, vim na entrevista e fui selecionada para estagiar no Serpros. Quando paro para analisar todos esses acontecimentos só tenho uma certeza, Deus não falha nunca, faz tudo do jeitinho que deve ser e sempre da melhor maneira para nós. Enfim, só tenho a agradecer por tudo que pude aprender, desenvolver e adquirir de conhecimento aqui no Serpros. E a maior satisfação é saber que todo o empenho, colaboração e dedicação nesses anos todos estão sendo reconhecidos.”
– Marelisa Cunha Bostelmann, analista que atua na Gerência de Investimento –

Serpros celebra 41 anos com homenagem a empregados