17/01/2019

O Conselho Deliberativo do Serpros aprovou o orçamento do Plano de Gestão Administrativa (PGA) para 2019. O valor aprovado apresenta crescimento inferior ao da inflação, o que determina a redução das despesas administrativas da entidade neste ano.

As despesas do Serpros são custeadas principalmente pela taxa de administração sobre o resultado dos investimentos – que se manteve em 0,14% –; pela taxa de administração sobre empréstimos – também mantida em 0,20% –; e pela taxa de carregamento incidente sobre as contribuições dos participantes, a qual retorna a 3,75% – mesmo índice que era praticado em 2017.

Para o exercício passado (2018), o CDE aprovou um orçamento considerando excepcionalmente uma taxa de carregamento reduzida para 2,20%, que teve como objetivo buscar desonerar os participantes dos impactos previstos nos planos devido à provável ocorrência de perdas com investimentos passados, o que efetivamente ocorreu.

Orçamento administrativo para 2019 é aprovado